Adultos

HISTÓRIA NATURAL DA ESTUPIDEZ

Paul Tabori

Um dos grandes clássicos do ensaio do século XX, divertido e profundo.

«A Estupidez é a mais mortífera arma ao alcance do ser humano; a epidemia mais devastadora; o luxo mais dispendioso.»
História natural da estupidez é uma excelente reflexão acerca dessa característica infindável e inefável da raça humana que é a estupidez. O livro está repleto de exemplos históricos que marcaram a evolução da estupidez desde a Antiguidade até aos tempos de hoje. A burocracia, o servilismo, a dúvida e a rigidez das leis são alguns dos temas incluídos nos capítulos do livro.
Uma deliciosa panorâmica com um fundo histórico-filosófico riquíssimo e ao mesmo tempo uma reflexão para a vida!
Uma versão desta obra foi publicada em Portugal pela Portugália nos anos 60 sob o título A ciência natural da estupidez e vendeu mais de 12 tiragens. Esse volume, contudo, tinha cerca de 2/3 do original tendo sido censurado.
Esta é a primeira edição integral em língua portuguesa.
Cota: 94-TABO

_______________________________________________________________________________


PARA LÁ DO INVERNO

Isabel Allende


«No meio do inverno, aprendi por fim que havia em mim um verão invencível.»
Albert Camus
Isabel Allende parte da célebre frase de Albert Camus para nos apresentar um conjunto de personagens próprios da América contemporânea que se encontram «no mais profundo inverno das suas vidas»: uma mulher chilena, uma jovem imigrante ilegal guatemalteca e um cauteloso professor universitário.
Os três sobrevivem a uma terrível tempestade de neve que se abate sobre Nova Iorque e acabam por perceber que para lá do inverno há espaço para o amor e para o verão invencível que a vida nos oferece quando menos se espera.
Para lá do inverno é um dos romances mais pessoais da autora: uma obra absolutamente atual que aborda a realidade da migração e a identidade da América de hoje através de personagens que encontram a esperança no amor e nas segundas oportunidades.
Cota: 82-ALLE

_______________________________________________________________________________



SINAL DE VIDA

José Rodrigues dos Santos


Um observatório astronómico capta uma estranha emissão vinda do espaço na frequência dos 1,42 megahertz. Um sinal de vida. O governo americano e a ONU são imediatamente informados.
Um objeto dirige-se à Terra.
A NASA prepara com urgência uma missão espacial internacional para ir ao encontro da nave desconhecida. Tomás Noronha, o maior criptanalista do mundo, é recrutado para a equipa de astronautas. 
Começa assim a mais invulgar aventura do grande herói das letras portuguesas modernas, uma história de cortar a respiração que nos leva ao coração do maior mistério do universo. Será a vida um acidente ou resultará de um desígnio? Estaremos sós ou seremos um entre milhões de mundos habitados? 
A existência é um acaso ou tem um propósito? 
Sinal de Vida traz-nos José Rodrigues dos Santos, o escritor favorito dos portugueses, no apogeu das suas extraordinárias capacidades narrativas. Um romance empolgante que, pelo fio de uma intriga intensa e absorvente, nos interpela sobre a vida, o seu objetivo e o nosso lugar no universo.